terça-feira, 12 de dezembro de 2017

La Pasta Gialla recebe a exposição “Frida La Katrina” de Eloir Jr.

Foto montagem: Divulgação

Arte Para Degustar!

O La Pasta Gialla, um dos restaurantes mais tradicionais da culinária italiana na cidade de Curitiba, com sua unidade no Espaço Gourmet do Park Shopping Barigui, apresenta desde 2014 a Gastronomia apreciada com Arte, que de lá para cá, sob a curadoria e orientação dos artistas visuais Carla Schwab e Eloir Jr., mantém a presença de obras em exposições especiais de artistas paranaenses e convidados.

Divulgação

Sobre a exposição:
Na recente produção “Frida e La Katrina”, o artista estende sua pesquisa de multiculturalidade e representa em suas tradicionais Babuchkas e Matriochkas a personagem do folclore mexicano, a “La Catrina” (nobre Dama da Festa do Dia dos Mortos) em união com a artista Frida Kahlo. Harmoniza-se então a gama das cores fortes e eslavas que também estão presentes na cultura mexicana, simbolismos e peculiaridades inerentes ao dito “pop folk”, que como resultado formata-se na sua assinatura artística de matriochkas /babuchkas. Desta comunhão surge um trabalho alegre, lúdico e colorido, que resgata as memórias culturais trazidas pelos diversos povos, onde o artista consegue demonstrar a convivência harmoniosa das etnias que fazem parte de sua terra natal, a terra de todas as gentes.

Crédito: Lex Kozlik
Sobre o artista:
Eloir Jr. é artista plástico curitibano, pós-graduado pela Escola de Música e Belas Artes do Paraná e graduado pela Universidade Tuiuti do Paraná, colunista cultural do Sztuka Kuritiba e Revista Paulista, curador e professor de arte. Há 20 anos expõe e estuda as etnias européias no Estado do Paraná, com enfoque principal na cultura eslava da Polônia e Ucrânia, onde expressa seus trabalhos em harmonia com ícones paranistas, araucárias, pinhões e gralha azul. Possui em seu currículo diversas premiações, exposições individuais e coletivas, salões de arte e acervos nacionais e internacionais. Em 2010 representou o Estado do Paraná na cidade francesa de Vaire-Sur-Marne, em 2013 participou de exposição no Carrousel Du Louvre em Paris e em 2016 na Biblioteca Pública de Nova Iorque.


SERVIÇO:
Exposição: “Frida La Katrina” de Eloir Jr.
Local: La Pasta Gialla - Park Shopping Barigui
Endereço: Rua Pedro Viriato Parigot de Souza, 600 – Mossunguê
Curitiba-PR
Visitação: 12/12 à 12/03/2018
Horário de funcionamento do Shopping
Telefone: 41 3317-6910

Divulgação



Marbô-Bakery inaugura a coletiva “Entre Portas e Janelas”

Foto montagem: Divulgação

A união entre arte, arquitetura e gastronomia sob o comando do Chef Marcos Bortolozo, faz da Marbô Bakery um espaço diferenciado, e com curadoria de Kézia Talisin a casa mantém um vínculo simbiótico com a arte. Nesta quarta-feira, 13/12, o espaço inaugura a exposição “Entre Portas e Janelas” de talentosos artistas curitibanos.

Sobre a mostra:
Portas e Janelas, itens indispensáveis na arquitetura, que limitam espaços, nos protegem dos sentidos e paradoxalmente nos expõe a eles abrindo vértices e escancarando novas realidades e possibilidades.

O universo tridimensional proporcionado por estes acessórios da construção civil servem como suportes para os artistas representarem suas ideologias, percepção artística, filosofia de vida e contexto em que estão inseridos.
A mostra coletiva idealizada pelo artista e designer Oswaldo Fontoura Dias, possibilita estas novas percepções sobre este vão “Entre Portas e Janelas” na visão criativa do artista.

Foto:Divulgação
A intenção é justamente fazer uma reflexão sobre a utilidade destes suportes, que transcendem o uso cotidiano e transformam-se em objetos/obras de arte. Esta interferência segue além de um fim decorativo e alcança o conceito atribuído pelo artista durante a execução de seu trabalho. Através da diversidade da expressão artística presente, um universo tridimensional carregado de significados, nasce”, comenta o coordenador da mostra, Oswaldo Fontoura Dias.
Artistas participantes: Ana Lectícia Mansur, Carla Schwab, Celso Parubocz, Eloir Jr., Felipe Sekula, Katia Velo, Kézia Talisin, Marcio Prodocimo, Oswaldo Fontoura Dias e Waltraud Sekula.


Foto:Divulgação
Sobre a Marbô-Bakery:
A construção data de 1953 e tem a assinatura do arquiteto Lolo Cornelsen. Em estilo modernista tem como destaque uma grande fachada vermelha e possui estrutura em linhas retas. Hoje funciona como restaurante, confeitaria e padaria e ficou conhecida como Residência Belotti, em localização privilegiada, no centro de Curitiba. A união entre arquitetura, gastronomia e arte sob o comando do Chef Marcos Bortolozo tornam o momento único seja para experimentar petiscos, massas, risotos, lanches, doces e cafés.  Outro diferencial do local são as obras de arte em vários espaços da residência e as exposições mensais sob a curadoria de Kezia Talisin.


Serviço:

Exposição: “Entre Portas e Janelas”
Local: Marbô-Bakery, residência Belotti
Visitação: 12/12/2017 a 04/02/2018
Momento com os artistas: 13/12 das 19h30 às 22h
Endereço: Rua Dr. Faivre, 621 – Centro - Curitiba-PR

Horário de atendimento: terça a sábado das 11h às 22h
Domingo das 10h às 16h
Valet: das 11h30 às 15h e das 18h às 22h. Valor: R$ 20,00
Convênio com estacionamento das 11h às 22h inclusive domingo.
Telefone: (41) 3121-1547 / 99871-0176

Site: www.marbobakery.com.br

E-mail: eventos.marbo@gmail.com

Divulgação

sexta-feira, 8 de dezembro de 2017

Arte que Transcende...Arte com Filantropia!

Divulgação


O La Rauxa Cafè i Bistrot recebeu na tarde de 07/12, o evento cultural que une arte com filantropia.  Ciceroneado pelos artistas organizadores:  Ana Lectícia Mansur, Carla Schwab e Eloir Jr., o acontecimento presenteou seus convidados com um belo exemplar do Livro Artístico Comemorativo aos 25 anos do Hospital IPO, os quais gentilmente colaboraram com  doações de itens de higiene infantil que serão destinadas ao Lar O Bom Caminho.  

Nosso profundo agradecimento pela acolhida ao La Rauxa Cafè i Bistrot e seus colaboradores e a todos que compareceram e nos brindaram com o privilégio de estarmos juntos nesta tarde cultural e filantrópica. 


Momentos durante a ação







terça-feira, 5 de dezembro de 2017

Solar do Rosário - Oficina: Hora em Vasos

Divulgação

Novo núcleo da Conspiração, Hysteria lança plataforma idealizada e comandada por mulheres


Mais novo núcleo da Conspiração, Hysteria é uma plataforma de produção de conteúdo e curadoria feitos por mulheres, não necessariamente para mulheres ou sobre mulheres. A ideia é abrir um espaço exclusivo para narrativas contemporâneas tendo o olhar feminino na concepção e na realização dos projetos. Liderado por Renata Brandão, CEO da produtora, o coletivo reúne profissionais da casa, como a diretora de criação Carolina Albuquerque, e outros trazidos do mercado, caso da diretora editorial Isabel De Luca. Nascida num ambiente majoritariamente masculino como o do cinema e da publicidade -- segundo dados do Free the Bid, apenas 13% dos diretores do mercado nacional são do sexo feminino --, Hysteria é um grande passo na busca pela representatividade da mulher no mercado.

A iniciativa se materializa primeiramente num site que conta com três ambientes: Ver, Ler e Ouvir. Ver, dedicado a conteúdos audiovisuais, contém séries originais, coproduções e aquisições. Entre os originals estão os programas “Tudo”, em que a atriz Maria Ribeiro discorre sobre temas que vão de casamento à Coreia do Norte; “Alerta de tubarão”, em que a cofundadora e curadora do YouPix Bia Granja, uma das principais especialistas em cultura de internet no Brasil, entrevista influenciadoras especializadas nos mais diversos temas, de finanças a games; além de "Estrangeiras", que traz um dia na vida de mulheres que moram fora de seus países de origem, e "1/4 Dela", que a partir do universo particular que é o quarto de adolescente, apresenta os anseios e sonhos da geração Z, ambas dirigidas por Julia Anquier. Filha da Débora Block, a cineasta acaba de voltar ao Brasil após uma temporada em Nova York estudando cinema e lançou o curta "Adeus à Carne" no festival do Rio.

Já um exemplo de coprodução é a segunda temporada da série online “Nosso amor a gente inventa”, apresentada por Sarah Oliveira e dirigida por Vera Egito. Já entre as aquisições, destaca-se a série Curta Mulheres, que exibirá a cada semana um curta-metragem dirigido por uma mulher. Os 52 filmes foram selecionados pela curadora Isabela Mota.

A seção Ler reúne reportagens, uma gama diversa de colunistas flutuantes e uma curadoria de textos pinçados em sites e coletivos de mulheres selecionados em todo o Brasil. Já Ouvir abarca uma série de playlists e podcasts como “Rascunhos Esquecidos de Uma Caixa Sem Saída”, em que grandes atrizes convidadas -- Debora Bloch, Mariana Ximenes e Mariana Lima, entre outras -- leem uma emocionante compilação de e-mails anônimos jamais enviados. Outro podcast em produção é “Grampos vazados”, capitaneado por três amigas roteiristas: Martha Mendonça, que também é criadora e redatora do site de humor com notícias fictícias “Sensacionalista”, Luciana Fregolente e Luisa Yabrudi (as três escrevem juntas o programa “Zorra”, da TV Globo).

Filmes de ficção, séries para a TV  e – por que não? – produções eróticas também estão na mira do coletivo. Um dos projetos em andamento é uma parceria com o GNT que rendeu a criação da série de ficção baseada em depoimentos reais “Desnude”. Dirigida por Carolina Jabor e Anne Guimarães, a atração surgiu a partir de uma demanda do canal para a Hysteria, que desenvolveu uma pesquisa sobre sexualidade feminina e identificou que 76% das entrevistadas gostam de ver conteúdo e filmes sensuais em que a mulher é a protagonista. O lançamento está previsto para o primeiro semestre de 2018.


O núcleo atua ainda na criação de conteúdos para marcas, caso de uma recém-fechada parceria de três anos com o Masp. Também está nos planos o Festival Hysteria, programado para o primeiro semestre de 2018. Serão 12 shows espalhados por praças, bares e clubes do Centro de São Paulo, com curadoria assinada por Claudia Assef e Lalai Persson. Já no clima musical, Hysteria ganhou uma composição de cantora Leticia Novaes. A música é um manifesto feminista bem-humorado entoado por Letrux, que acaba de ganhar o prêmio Multishow de melhor disco por “Letrux em noite de climão”. E, já para o lançamento da plataforma ganhou clipe dirigido por Carolina Jabor e Isabel Nascimento Silva.

Natal congelante do Shopping Estação recebe o Ballet das Neves

Divulgação

Apresentações são gratuitas e acontecem entre os dias 6 e 15 de dezembro

A decoração de Natal do Shopping Estação ficará ainda mais congelante com o espetáculo Ballet das Neves, que estreia nesta quarta-feira (6) na Praça de Eventos do mall (piso L1). A apresentação é inspirada no clássico “Waltz of the nowflakes”, d’O Quebra-Nozes.
As bailarinas da Cecconello Escola de Dança contarão a história de flocos de neves que ganham vida, e convidarão todas as famílias a dançarem ao som de Tchaikovsky, em um cenário imponente e com iluminação especial.
O Ballet das Neves é gratuito e acontece às 20h, sempre nas quartas, quintas e sextas, até o dia 15 de dezembro. Depois do espetáculo, o público poderá tirar fotos com as bailarinas.


Natal Frozen – Shopping Estação
Data: até 24 de dezembro às 18h.  
Ballet das Neves: dias 6,7,8,13,14 e 15/12, às 20h.
Papai Noel: de segunda a sábado das 10h às 22h30, e domingo das 11h às 21h. 
Decoração: de segunda a quinta das 10h às 22h, sexta e sábado das 10h às 23h, e domingo das 11h às 22h.  
Quanto: toda a programação é gratuita e aberta ao público.
 (41) 3094-5300

O Sesi Cultura Paraná abre editais para seleção de projetos culturais

Crédito: Adara de Magalhães Garbuglio de Oliveira 


Serão selecionadas propostas de Artes Cênicas e Música para a programação de 2018/ 2019 
                                                       
Estão abertos os Editais de Chamamento Público 2018/2019 do Sesi Cultura Paraná para a classe artística. As inscrições de projetos culturais nas categorias de Música e Artes Cênicas podem ser feitas até às 18h do dia 19 de dezembro de 2017. A seleção é de âmbito nacional, portanto, interessados e residentes de outras regiões do Brasil podem se inscrever.
Os trabalhos selecionados vão integrar a programação cultural de 2018 nos teatros das unidades do Sesi-PR em Curitiba, São José dos Pinhais, Londrina, Arapongas e Pato Branco, ou nos espaços parceiros das secretarias municipais e fundações de cultura.
De acordo com a Gerente de Cultura do Sistema FIEP, Anna Zétola, os editais oferecem transparência e competitividade aos artistas locais. “O Sesi Cultura Paraná oportuniza o conhecimento de projetos artísticos novos, de nomes desconhecidos da maximídia e também promove a profissionalização de jovens produtores, desenvolvendo a economia da cultura localmente”, declara.
O objetivo da área de Cultura do Sesi-PR é identificar projetos artísticos para públicos de todas as idades com o intuito de democratizar e ampliar o acesso à cultura, bem como incentivar e difundir a multiplicidade e a diversidade das linguagens e tendências artísticas para a formação e a valorização do indivíduo e sua comunidade.
Todos os procedimentos legais para a apresentação de projetos e envio da documentação solicitada estão descritos para consulta no site www.sesipr.org.br, em Licitações, no número 206/2014. Os chamamentos em aberto estão listados logo abaixo. Os projetos serão selecionados por uma comissão avaliadora e os resultados serão divulgados exclusivamente no site do Sesi Paraná, no primeiro semestre de 2018. 
• 10º EDITAL DE PROGRAMAÇÃO:
CENTRO CULTURAL CASA HEITOR STOCKLER DE FRANÇA / MÚSICA 2018
Modalidade A – Vozes da Cidade e de Outras Cidades
Podem participar do projeto “Vozes da Cidade”: compositores, músicos e intérpretes locais de música popular urbana ou de outras regiões, que desenvolvem seus trabalhos autorais num formato mais intimista, seja individual ou em duos e trios.
Modadalidade B - Acordes na Casa
Podem participar do projeto “Acordes na Casa”: artistas profissionais da música instrumental brasileira, internacional e étnica. O objetivo é formar uma programação musical contínua durante o ano, proporcionando à comunidade o acesso a diferentes gêneros da música instrumental, bem como fortalecer a cultura da região.
• 11º EDITAL DE PROGRAMAÇÃO:
SESI CULTURA PARANÁ - EQUIPAMENTOS CULTURAIS 2018/2019 
A área de Cultura do SESI seleciona projetos culturais nas modalidades de: Artes Cênicas (Teatro, Dança e Circo) e Música para o ano de 2018 e 2019. O público alvo é, além do trabalhador da indústria e seus familiares, a comunidade da região. Os locais de realização são os Equipamentos Culturais do SESI que estão distribuídos pelo Estado do Paraná. Para mais informações, acesse o edital: http://app2.fiepr.org.br/licitacao/pub/arquivos/463a4b841e159507642f684a8bf147f7.pdf
• 12º EDITAL PARA SELEÇÃO DE ESPETÁCULOS:
CIRCUITO CULTURAL SESI/PR 2018 
Para o Circuito Cultural, os projetos que serão selecionados são os de Artes Cênicas e de Música para apresentação em teatros parceiros das secretarias municipais, fundações de cultura municipais ou nas dependências dos auditórios e teatros das unidades do SESI-PR. As cidades pelas quais o Circuito Cultural é realizado podem ser consultadas no edital. Serão selecionados 7 grupos, sendo 3 grupos para o primeiro semestre de 2017 e 4 grupos para o segundo semestre de 2017. Para mais informações, acesse o edital: http://app2.fiepr.org.br/licitacao/pub/arquivos/621b7f03754c95ad3f325f1f57b30753.pdf
  
• 13º EDITAL DE PROGRAMAÇÃO:
SESI MÚSICA 2018
Para 2018, o projeto SESI Música pretende apresentar ao público da indústria e comunidade das cidades de Toledo, Ponta Grossa, Maringá e Londrina, artistas de diferentes gêneros musicais do país e também artistas da cena musical local. As apresentações acontecem no seguinte formato: show do(a) artista local, nascido(a) ou radicado(a) no Paraná, o(a) qual convida um(a) artista de renome nacional com carreira consolidada. Para mais informações, acesse o edital: http://app2.fiepr.org.br/licitacao/pub/arquivos/8e3e5176289a20f623eb8c8fb2fe4b99.pdf



SESI CULTURA – Foi em 2008 que a Regional Paraná do Serviço Social da Indústria inaugurou uma área especificamente dedicada ao desenvolvimento de ações culturais ancoradas nas diretrizes previstas na Declaração Universal dos Direitos do Homem, como a diversidade, a pluralidade e a autonomia. Desde então, o Sesi Cultura Paraná tem promovido o acesso à cultura com foco em programas de formação artística e cultural, investindo em processos criativos, formação de plateia para todas as linguagens e na formação e desenvolvimento cultural com vocação local. O Circuito Cultural Sesi, o Festival Sesi Música, os Núcleos Criativos do Sesi, o Zoom Cultural, os Programas Sesi Música, Sesi Arte, Sesi Audiovisual e Sesi Artes Cênicas são exemplos de programas desenvolvidos pela Gestão Cultural do Sesi. De 2008 até 2016, mais de 927 mil espectadores tiveram acesso à cultura por meio de cerca de 7,5 mil eventos realizados pelo Sesi Paraná. Todas essas ações sempre tiveram como objetivo o acesso ao bem cultural para o trabalhador da indústria, seus dependentes e para a comunidade de um forma geral, além da difusão da arte em todas as suas manifestações, valorizando a diversidade e a pluralidade do povo brasileiro.

Divulgação

APAP/PR REALIZA LANÇAMENTO DO LIVRO “MUROS VISUAIS DE CURITIBA”

Divulgação

A intervenção urbana que transformou a cidade em galeria agora ficará eternizada em livro Arte

A Associação Profissional dos Artistas Plásticos do Paraná – APAP/PR, com o apoio do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná - TRE-PR, realiza no dia 06 de dezembro, a partir das 17h30min, o lançamento do livro “Muros Visuais de Curitiba”. O livro é o resultado de uma ação entre a APAP/PR, em parceria com a Prefeitura Municipal de Curitiba, por meio do Instituto Municipal de Turismo e a Fundação Cultural de Curitiba que durante  3 anos realizaram esta primeira etapa do projeto “Muros Visuais de Curitiba” (2014-2017). Com o objetivo  de melhorar a estética urbana, além de conscientizar sobre a importância em preservar o patrimônio histórico, artístico e cultural da capital paranaense, foram plotadas  imagens (1,60 x 1,20m) de obras de arte dos artistas associados à APAP/PR e inseridas em locais desagrados, mal conservados e/ou abandonados.

A ação resultou em galeria de arte ao ar livre, além de colaborar com a estética, aproximou artistas locais e contou com a participação do público por mídias sociais, possibilitando às pessoas postarem fotos interagindo com as obras. O projeto propiciou uma experiência ímpar e de grande valia para os artistas e para a sociedade. O projeto teve a participação de 100 artistas associados que contribuíram com as suas obras para esta grande galeria urbana numa ação inédita e jamais vista. "Estamos em plena era digital, onde a informação transita numa velocidade estonteante fazendo com que o conteúdo seja cada vez mais efêmero, por isso a importância do registro materializado em livro, ainda mais quando se trata do primeiro, após 35 anos de atividades da Associação dos Artistas Plásticos do Paraná. São 100 artistas deixando sua contribuição visual, num momento histórico que permanecerá por gerações”, declarou o coordenador do projeto, Mauricio Vieira. 
 
Durante o lançamento do livro “Muros Visuais de Curitiba” serão realizados também a cerimônia de posse da gestão biênio 2017/2019 da APAP/PR, o lançamento do livro “Flagrantes do Mundo Jurídico”, Crônicas do Cotidiano Forense, autor: Edson Luiz Vidal Pinto  e Desfile de moda Paranaense da Mostra do Núcleo de Moda da APAP/PR.


Local: TRE-PR – Tribunal Regional Eleitoral do Paraná
Data: 06 de dezembro de 2017.
Horário: 17h30min
Serviço: Associação Profissional de Artistas Plásticos do Paraná -APAP/PR
Av. Jaime Reis, 107, Salas 07 e 11 - Arcadas de São Francisco 
(41) 3232-0408 CEP 80.510-010
http://www.apap.com.br e apap@apap.com.br
 
100 artistas participam do livro "Muros Visuais de Curitiba"
Alani F. de Mello, Ale Baggio, Alfi Vivern, Amadeu Glaab, Ana Isis Ribas, André Donadio, Anibal Andraus, Anna Rocha, Antonio Temporão, Aristide Brodeschi, Arlene Senegaglia, Assis Portes, Aurélio Peluso, Carol Dequech, Cé Figueiredo, Christian Schönhofen, Claire Roderjan, Constancia Nery, Cristiane Gonçalves, Da Oliveira, Daniel Rebello, Celso De Bruns, Débora Ling, Elfriede Rakko Ehlert, Elisabeth Sekulic, Elisiane Correa, Felipe Sekula, Fernandes, Francisco Borges, Gabriele Fuchs, Gianna Calderari, Giovana Correia, Giovana Hultmann, Giovanni Carpinelli, Harry Vogt, Helio Dutra, Ian Lara, Igor Gomes, Ilka Passos, Irani Spiacci, Isaac kassiano, J. Bonatto, Jo Kawamura, José Antônio de Lima, Josélia Nassar, Katia Velo, Kitty Harvill, Lavinia Bilik, Lecco Coelho, Leopoldino de Abreu, Lineu Borges de Macedo, Lisete Schiffer, Lucia Biscaia, Lucia Calluf, Lucilia Schneider, Luiz Felix, Luiz Guilherme Todeschi, Maete Coelho, Magali Robaina, Marcello Romeiro, Marcelo Conrado, Marcia Dalcin, Marcos Lozza, Maria Miriam Martins, Marine Linzing, Marinice Costa, Marisa Vidigal, Mathieu Struck, Mauricio Vieira, Meg Gerhardt, Mercedes Brandão, Monclaro, Mônica Pailo, Neiva Passuello, Nelson Padrella, Ney Machado, Nilva Rossi, Noeli Tarachuka, Osmar Carboni, Psilito, Regina Oleski, RMDall’Oglio, Robia Ribeiro, Rosicler Dresch, Sabine Feres, Sabrina Rosa, Sandra Carrillo, Sandra Osmarin, Silvia Carrano, Tania Fruet, Tânia Leal, Tchello d’Barros, Thaís Coelho, Thays Lourenço, Viviane Camargo, Vera Itajaí, Vidal, Walton Wysocki, Waltraud Sekula e Zélie Bittencourt.

segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

Editora Todas as Musas lança: Neblina sobre trilhos

Divulgação

Para adquirir, acesse o link da Livraria da Editora em:


Para mais informações, escreva para:




Conheça também nosso INSTAGRAM

Divulgação

Lugar único em Curitiba que une gelatos artesanais e arte abre filial em Guaratuba

Divulgação


Por Emanuelle Spack

A ideia de duas irmãs curitibanas, descendentes de italianos, em agregar no mesmo espaço sorvetes artesanais e arte deu tão certo que a bióloga e empresária Gisele Sessegolo e a designer e artista visual Désirée Sessegolo, proprietárias da Gelarteria – Gelato & Arte, de Curitiba, junto com o engenheiro José Mauricio Torneli resolveram expandir o negócio. Dia 16 de dezembro, a partir das 09:00 horas, a Gelarteria – Gelato Café & Arte inaugura sua segunda casa na cidade de Guaratuba, no litoral do Paraná. O evento é aberto ao público e conta com exposições de arte em vidro de Désirée Sessegolo, pinturas de Laura Monte Serrat sobre poesias de Priscila Prado, Pocket Show com Dany Nascimento e tarde de autógrafos com a escritora Ale Dossena.
De acordo com Désirée a finalidade é a expansão do negócio para em 2018 iniciar a abertura de franquias. “Pensamos no litoral devido ao turismo que movimenta um expressivo volume de público no verão. Escolhemos Guaratuba porque percebemos ali um nicho de mercado para gelatos artesanais e a uma grande carência de opções de entretenimento ligados à cultura”, explica Désirée.
O conceito da Gelarteria de Guaratuba segue o mesmo da primeira loja, porém em dimensões bem maiores. “Gastronomia com arte é o nosso diferencial e deve seguir, onde quer que implantemos um novo ponto”, diz a artista. Junto com a galeria haverá um espaço para comercialização de objetos de design autoral.

Da Itália para o Brasil
Todos os gelatos da casa são feitos artesanalmente conforme a tradição italiana, utilizando apenas produtos frescos, sem gorduras trans, corantes e conservantes. O cardápio conta com mais de 30 sabores e opções de gelatos cremosos à base de leite, sorbets - opções sem lactose - e ainda alguns sabores zero.
“Além dos gelatos temos taças para todos os gostos, tortas de gelato, doces, salgados, café gourmet, cerveja artesanal e para aqueles que têm um paladar requintado, um espumante geladinho”, revela Désirée.

Eventos Culturais
Durante a temporada de verão, a galeria apresenta variadas formas de expressão artística:
- Exposição Cheio Vazio - Arte em Vidro de Désirée Sessegolo;
- Exposição Poesia Líquida - Aquarelas de Laura Monte Serrat sobre as poesias de Priscila Prado;
- Pocket Show - com Dani Nascimento;
- Tarde de autógrafos - com Ale Dossena;
- Atividades artísticas para crianças com o Cartunista Rodrigo Belato;
- Exposição de pinturas - de Marc Breyer;
- Chuva Poética - projeto de Cassandra Joerke e curadoria de Álvaro Posselt apresenta diversos poetas paranaenses da atualidade;
- Exposição Fotográfica - com Carlos Renato Fernandes.
- Exposição Bicudinho do Brejo - de Bianca Reinhart com curadoria de Cris Yamada.

É a arte encantando, fascinando e inspirando!

Loja de Design Autoral
Os visitantes também poderão adquirir no local objetos criativos como:
Letterings de Ana Terlizzi;
Potinhos para Gelato do Atelier Semeando Pássaros – Vanessa Amaral, Ana Carol Lipienski, Joseli Bezerra, Angela Gee, Camila Boneaux, Giuseppina Loffredo e Arlinda Fernandes;
Vasos de Concreto de Amanda Tulio;
Louças ilustradas por Veronica Fukuda;
Objetos e acessórios de Désirée Sessegolo.

Divulgação

E quem são Gisele Sessegolo e Désirée Sessegolo?
A Gelarteria surgiu da paixão de duas irmãs, descendentes de italianos da região do Vêneto. Gisele é bióloga e apaixonada por gelatos e Désirée é designer, especialista em Marketing e apaixonada pela arte do vidro.
Ambas construíram carreira em suas respectivas áreas, mas a paixão que corre nas veias falou mais alto e elas resolveram mudar o curso de suas histórias e tornar seus sonhos reais.
As irmãs foram conhecer as famosas gelaterias italianas e Gisele foi estudar as técnicas de fabricação artesanal de gelatos em Bolonha e criou receitas exclusivas que conquistaram o público curitibano. Désirée, sempre envolvida em projetos criativos, tem se destacado nas artes do fogo, onde conquistou diversos prêmios e realizou dezenas de exposições individuais e coletivas. Seus trabalhos estão à venda na Gelarteria e na Loja do Museu Oscar Neiemeyer.
Parecidas e diferentes, uma prefere temperaturas negativas e a outra, altas temperaturas, mas ambas dedicam muito amor em tudo o que fazem.

Serviço
Dias: de domingo a domingo
Horário: das 12h:00 às 02h:00